Categoria de Infraestrutura recebe apoio do Senador Romero Jucá para a Efetiva Valorização da Categoria

Esses últimos meses têm sido de grande trabalho e crescimento para a Categoria de Infraestrutura. Como muitos estão acompanhando, nossos representantes trabalharam com muito afinco para que o merecido reconhecimento de nosso trabalho seja consagrado com a devida colocação nas carreiras do Estado Brasileiro.

A primeira conquista, pleiteada há anos, já foi alcançada. A nossa carreira é de Gestão Governamental. Agora, resta alinhar o reconhecimento da nossa importância na formulação de políticas públicas e na gestão da infraestrutura nacional com outros pontos que seguem pendentes, como o remuneratório.

Ontem (13/07/2017) foi um dia histórico para os AIEs e EIEs.

Anteontem, passamos o dia discutindo as alternativas que restavam depois dos vetos que sofremos. Horas depois tomamos conhecimento de que os vetos seriam votados no dia seguinte, cenário novo esse que jogou por terra toda a estratégia exaustivamente decidida horas antes.

O dia histórico começou com intensa convocação para comparecimento em massa ao Congresso. O momento crítico justificava a medida extrema.

Aos poucos os colegas foram chegando e se concentrando no hall entre os gabinetes dos Senadores Wilder Morais e Romero Jucá. E logo chegamos a 70 colegas concentrados no hall dos Senadores. Após um pequeno debate de como iríamos proceder de forma ordeira o convencimento dos parlamentares de que o dia não era o ideal para votar os vetos, eis que a Chefe de Gabinete do Senador Romero Jucá, que já nos conhecia das incursões que realizamos, aparecer no Hall e nos concede uma conversa com o Senador.

Assim, conseguimos um importante apoio do Governo Federal. O Excelentíssimo Senador Romero Jucá declarou na presença de dezenas de representantes da carreira, seu apoio incondicional à consecução dos objetivos de valorização da Categoria de Infraestrutura, inclusive com a correção de seu patamar remuneratório. Fora isso, nos garantiu que iria articular para que a votação não ocorresse naquele dia.

Pouco depois de recebermos o maior apoio parlamentar que poderíamos receber, começamos a receber informações qualificadas que talvez a votação fosse ocorrer sim naquele dia. Como já desenvolvemos capacidade de poder de reação frente à mudança repentina de cenário, imediatamente iniciamos o planejamento de novas ações com ajuda dos colegas que puderam ficar para ajudar. Foi uma tarde longa cheia de tensão e com execução de ações coordenadas focadas a tratar as possibilidades viáveis de derrubada de veto.

No começo da noite finalmente recebemos a notícia que de fato as informações do compromisso do Senador estavam confirmadas, a votação dos vetos seria no retorno do recesso parlamentar.

Vamos à luta e contamos com o fiel apoio de todos vocês para que uma NOVA ANEINFRA siga sendo construída em prol da carreira; dos homens e mulheres dedicados ao serviço público e à infraestrutura brasileira.

Contem conosco e nos ajudem a filiar ainda mais analistas e especialistas, para que nosso trabalho possa ser cada vez mais representativo e eficaz.